segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

49º aniversário da SFAAC - programa

Eis o programa das comemorações do 49º aniversário da Secção Filatélica da AAC a realizar no próximo sábado, dia 22.

Praça Velha
(manhã) Visita livre à Feira de Velharias (Praça Velha)

Restaurante O Cantinho do Reis (Terreiro da Erva)
13:00 – Almoço convívio

Mini-Auditório Salgado Zenha (piso 0 do edifício da AAC - Rua Padre António Vieira)
15:30 - Cerimónia comemorativa do 49º Aniversário da Secção Filatélica da AAC
15:45 - Apresentação do Catálogo de Carimbos Comemorativos de Portugal 2005-2013
16:00 – Tertúlia: “A caminho dos 50”
17:00 – Trocas de selos

Como já referido anteriormente, as inscrições para o almoço podem fazer-se até dia 20, quinta-feira.

sábado, 15 de fevereiro de 2014

49º aniversário - Almoço

Estão abertas as inscrições para o almoço do 49º aniversário da SFAAC, no dia 22 de fevereiro, sábado, no restaurante Cantinho do Reis, no Terreiro da Erva em Coimbra.

As inscrições devem ser feitas para os nossos contactos habituais.

O programa das comemorações completo será dado a conhecer, muito em breve.

Contamos consigo!

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Estação de correio de S. José inaugurada há 59 anos

A estação de correio de S. José foi inaugurada no dia 12 de fevereiro de 1955, no Calhabé:

http://filatelica.aac.uc.pt/est_saojose.php
http://filatelica.aac.uc.pt/est_saojose.php

Atualmente funciona no Centro Comercial Girassolum, na zona da Solum.

Mais informações no nosso site.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Plano de emissões de 2014 de Itália

Os Correios de Itália (Poste Italiane) anunciaram o seu plano filatélico para o ano de 2014.

Pode ser visto no nosso perfil do ISSUU.com


segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Sugestões para emissões de 2015

Como é habitual, os CTT – Correios de Portugal, SA – Sociedade Aberta, estão a convidar os portugueses a propor acontecimentos, figuras e factos que possam merecer ser editados em selo. As sugestões deverão ser apresentadas até final de março, com vista a integrar as edições filatélicas do ano 2015.

Ao abrigo do Estatuto do Selo português, as propostas podem assinalar acontecimentos e aniversários associados a personalidades e datas da História, Cultura e identidade nacional. Podem também incidir sobre aspetos de âmbito geral evocativos da diversidade cultural e natural portuguesa ou das relações de Portugal com outros povos e culturas. O mesmo acontece com as especificidades da cultura e do património natural das regiões autónomas dos Açores e Madeira.

O envio de sugestões pode ser feito até 31 de março de 2014, por via postal para:
Direção de Filatelia - CTT
Av. D. João II, Lt.1.12.03
1999-001 Lisboa

ou através do endereço eletrónico: sofia.c.almeida@ctt.pt

ou ainda no formulário próprio no site dos CTT.

Caso tenham sugestões relacionadas com Coimbra, poderão também nos fazer chegar essas sugestões para que também nós as façamos, para ganharmos mais força.

domingo, 2 de fevereiro de 2014

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Novo livro: «Do Mito Nasceram Asas...Uma História da Aviação Civil»

A empresa aeronáutica açoreana SATA editou o livro "Do Mito Nasceram Asas...Uma História da Aviação Civil" de Ricardo Madruga da Costa.

A obra de Ricardo Madruga da Costa consta da apresentação de uma “coleção de selos e peças filatélicas que descrevem as diferentes fases da história da aviação civil, desde os seus mitos e frustrações, passando pelo mais leve que o ar até ao surgimento do avião e ao progresso que o desenvolvimento tecnológico permitiu, nomeadamente quanto aos meios de propulsão, evoluindo dos motores a hélice para o jato e, depois para o transporte supersónico alcançando, por fim, o transporte espacial a marcar a transição para um novo patamar que apenas prenuncia um percurso imprevisível”.

Da história e da evolução da aviação civil, fazem parte “a SATA, na sua conceção desde 1941 e na sua operação desde 1947, e os Açores, através da sua centralidade geográfica, especialmente no lançamento das rotas aéreas entre a América do Norte e a Europa, conforme referenciam algumas das peças filatélicas que integram o livro.

Tendo uma coleção selos como ponto de partida, Ricardo Madruga da Costa, porém, não se limitou ao seu ordenamento e apresentação. À organização histórica das peças, aduz um conjunto de apontamentos de natureza técnica, institucional e comercial que conferem à publicação a índole de um livro verdadeiramente didático.

Ricardo Madruga da Costa, reformado da empresa, considera que a coleção que expõe “é o resultado do modesto labor filatélico de um simples diletante que a própria profissão exercida ao longo da vida, ao serviço da SATA Air Açores, certamente estimulou”, desejando “happy Landings” aos observadores interessados em “embarcar na contemplação dos quadros que compõem esta fantástica aventura da história da aviação civil”.

Segundo informação do editor, o livro encontra-se à venda nas suas lojas.